Brasileiros e Preconceitos I

 

O pensamento raso brasileiro que não é preconceituoso, mas…

Leonardo Sakamoto

28/06/2016 22:56

“Alguns leitores reclamaram do post de ontem. Disseram que tentei criar uma divisão que não existe na sociedade – ignorando, talvez, que a sociedade foi dividida no momento em que o primeiro português mandou o primeiro indígena colher pau-brasil e colocar num porão de navio.

Gente, uma dica: preconceito é para ser dito, repetido e aplicado, mas com naturalidade. Afinal, uma vez diluído no dia a dia, ele se torna uma argamassa que ajuda manter a ordem das coisas e a lembrar quem manda e quem obedece. Mas sem violência! Porque, nós, as “pessoas de bem”, detestamos violência, não é mesmo?

Retomei esse post porque achei pertinente diante da cara de pau reinante em nosso culto à intolerância.

EU NÃO SOU PRECONCEITUOSO, MAS…

Tenho medo desses escurinhos mal encarados que pedem dinheiro no semáforo.

Cigano é tudo vagabundo. ”

Leia o post aqui>>>http://blogdosakamoto.blogosfera.uol.com.br/2016/06/28/o-pensamento-raso-brasileiro-que-nao-e-preconceituoso-mas/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s